Buscar
  • Bruna Viana

A idade para dançar

Uma das perguntas que mais recebo é sobre a idade correta para iniciar o ballet clássico, então decidi fazer esse textinho explicando um pouco sobre.


Quando estamos falando de crianças, o bacana é iniciar as aulas de baby class (lúdico) após os 4 anos completos. Antes disso, além de toda questão física e motora envolvida, as crianças não costumam ter muita paciência para participar das atividades propostas.


Para iniciar a formação é recomendável ter 9 anos completos (de acordo com a metodologia Vaganova) pois as crianças terão contato com a técnica pura pela primeira vez e o corpo precisa estar preparado para a carga de atividade que elas terão que cumprir.


Além disso, é importante relembrar que em escolas russas as crianças já iniciam as pontas na primeira série porém aqui fora, nas escolas particulares é quase impossível fazermos o mesmo pois o corpo precisa estar preparado para subir nas pontas. Lá elas fazem em torno de 1:30h de aula de clássico por dia, de 5 a 6 vezes na semana, sem contar as outras modalidades, enquanto nas escolas particulares costumamos ter em média de 2 a 3 horas de aula semanais para aulas de primeira série.


Já para adultos, não temos idade limite para começar o ballet, o que muda de uma primeira série infantil para uma primeira série adulta é a linguagem e forma de trabalhar. O objetivo é o mesmo mas temos que lembrar que as bailarinas e bailarinos adultos não costumam ter o mesmo ritmo e condicionamento físico que uma criança e por isso requer um trabalho diferenciado.


* Existem diversas metodologias dentro do ballet clássico, volto a ressaltar que a idade mencionada para início da primeira série segue as orientações da metodologia Vaganova e caso você estude em uma escola que é adepta de outra metodologia, a idade para ingressar na primeira série pode sofrer alterações.


Na foto, a mini Bruna aos 8 aninhos (um mês antes de completar 9) na primeira aula de pontas.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O corpo perfeito pra dança

Se você pensa numa bailarina e de cara vem a sua mente a imagem de uma menina alta e magra, saiba que não há nada de errado com você mas sim com o padrão criado e imposto sobre os artistas da dança. A

 

©2021 por Ballet com Bruna. Orgulhosamente criado com Wix.com